SLAVER - Infected By Thrash
Da capital nacional, Brasília/DF, temos aqui este EP da banda Slaver. Trata-se de mais uma representante do Thrash revival que vemos nesses anos 2000 (a banda surgiu em 2005) e cujo principal representante é o Violator.  Neste EP, lançado em 2009, Marcio Cambito (voz e guitarra), Luiz (guitarra), Neto Pipo (baixo) e Téo Slaughter (bateria) nos apresentam quatro sons novos (mais duas faixas bônus, regravadas da primeira demo da banda chamada ‘Thrash Forces’). Este play nos é apresentado de uma maneira totalmente profissa, fato incomum para esse tipo de material, com encarte bem produzido, arte de capa, letras e informações. Além disso, todas as faixas são de uma qualidade de produção excelente, audição perfeita. Os backing vocals também contam com a participação do Ivan do Massacre Bestial, do Renato Gama do Acid Speech e do Pedro Caçapa do Violator. Com relação ao ‘musical’, especificamente falando, temos aqui uma evolução significativa com relação a demo de 2006. A faixa que abre o disco é ‘Infernal Holocaust’ e, de cara, a primeira referência que sentimos é no vocal à lá Destruction. Uma faixa enérgica que remete diretamente àquela sonoridade do Thrash dos anos 80, baseada sobremaneira em riffs agressivos e rápidos. ‘Infected By Thrash’ é a faixa seguinte, mais cadenciada no início, logo descamba pra agressividade pura e velocidade. Na sequência temos ‘Radioactive Disaster’ (a faixa mais longa do play) e ‘Toxic Beer’, que complementam a quebradeira e não deixam a peteca cair. As faixas bônus, ‘Thrash Forces’ e ‘Nuclear Attack’ também nos fornecem um ótimo complemento e oportunidade de fazer comparativos.  Agora é aguardar, na esperança de que a banda lance logo um full-lenght.

Segunda, 10 de Setembro de 2012
Por: Alex Neundorf
Divulgue!

Envie seu comentário sobre essa matéria!

Nome:
E-mail:
Texto:
=

Parceiros