CHEMICAL DISASTER - Promo Disaster 07
Chemical Disaster é uma banda antiga de Santos/SP, que tem uma história longa no Underground nacional. Executam um Death Metal com influências do Thrash ao Black, sendo que de todos esses estilos eles sugam só as suas raízes. Essa promo é uma prévia do seu terceiro álbum, lançado esse ano. É um material simples cuja capa colorida foi impressa em papel comum, e a mídia é um CD-R básico, sem arte alguma. No encarte constam 3 faixas, mas abrindo ele no PC, há toda a discografia da banda em MP3, uma ótima idéia para melhor divulgar seu trabalho. Além dos arquivos de áudio, há também vários arquivos contendo informações sobre a banda e o material em questão, além de uma entrevista e imagens. Falando agora do conteúdo sonoro, uma surpresa ao abrir o CD - tem uma faixa a mais do que estava no encarte. O que será? Bom, vou ouvindo desde o início até chegar nela. A primeira pedrada Thrash é a "Precipitated to Hell", que começa violenta, riffs pesados, variando de rápidos a mais cadenciados e em outros momentos mais soltos, até entrar o vocal, que conta com vários backings. Um ponto positivo (por incrível que pareça) é o baixo estar aparecendo bem nas músicas, o que hoje em dia é meio difícil de acontecer em bandas de Metal Extremo. A gravação está muito boa e a produção também, as escolhas de timbres e distorções encaixaram bem com a proposta da banda, principalmente a da guitarra que consegue alcançar bastante peso mesmo tendo uma distorção não muito grave. Logo após, começa cadenciada a "Forbidden Ways", que é uma música chamativa para as cabeças em frente ao palco, ou seja, daquele tipo que inevitavelmente se bate a cabeça no ritmo dela. Aos poucos sua velocidade vai aumentando, sempre seguido do vocal e seus backings, até chegar na parte mais bate-estaca caracteristica de bandas Thrash/Death do início dos anos noventa, que ao vivo sempre origina vários pogos. Logo após, uma pancadaria chama atenção para a música "Perverted Body", que com certeza é a mais violenta da promo e das três a que eu mais gostei. vocais sempre presentes e riffs marcantes, rápidos, bateria com raríssimos momentos mais lentos. Não é a toa que é a mais curta da promo com 2 minutos e meio. Uma característica em comum entre todas as 3 músicas é a sua variação de ritmo sem perder a essência do Thrash/Death old school, o que demonstra muita qualidade na Chemical Disaster, proveniente de sua vasta experiência. Chegou a quarta "misteriosa" faixa. Nada mais é do que uma versão para a música "Sex & Outrage" (Iron Fist, 1982) do fudidaço Motörhead. A versão ficou com cara de Chemical Disaster pra caralho, mas sem tirar a veia Motörhead necessária a música. Excelente! O que se espera do terceiro álbum dessa antológica banda é um material de ótima qualidade sonora, e espero que também gráfica, pois isso hoje em dia conta muito a favor de incentivar o público a comprar CD's.
Quinta, 01 de Dezembro de 2011
Por: Carrascu
Divulgue!

Envie seu comentário sobre essa matéria!

Nome:
E-mail:
Texto:
=

Parceiros